Saturday, 13 May 2017

ABRINDO A JANELA PARA A AUTOESTIMA



Alguns meses atrás, investiguei sobre um curso de Teatro, para preencher minha ociosidade, que se apresentou com a aposentadoria, porém, encontrei em Cianorte, uma Agência de Modelos e Manequins – LUMINI - e sem titubear, telefonei. Uma moça (Valéria, a professora) simpática, me atendeu e incentivou a fazer o curso de modelo. 

Saturday, 25 March 2017

LANÇAMENTO DO LIVRO – BACIA DOS BICHOS – UMUARAMA


Outro dia, no Banco do Brasil, escutei 3 pessoas conversando, sobre lançamento de um livro e “discretamente” pedi licença, para me “meter” na conversa, pois muito me interessava. Apresentei-me dizendo ser escritora também. Um dos senhores, com muita simpatia, se apresentou como Sérgio Vercezi, e de pronto, convidou-me para ir ao lançamento, que aconteceria no dia 24 de março, às 19h30min, numa sexta-feira, na Fundação de Cultura e Turismo Vera Schubert. 

Wednesday, 14 December 2016

PITUCA - a arteira



Postei neste blog, sobre uma cachorrinha que resgatei da rua e intitulei - A cachorra da escola - 10.06.2014. E desde então estamos juntas. Amo demais a Pituca, porém é muito arteira. Quando preciso sair e ela fica sozinha com a Elzinha, sempre apronta alguma coisa. Mas, no dia 11.12.2016 ela superou todas as artes! Foi a pior de todas! quando cheguei em casa, ela havia retirado o cartucho da impressora (booking) e esparramou pela casa, e como sempre, leva para cima de minha cama. Quando entrei em casa, demorei para assimilar o que era àquele rastros de gotas pretas. Imagine para limpar?

Friday, 9 December 2016

AMA – ASSOCIAÇÃO DE PAIS E AMIGOS DOS AUTISTAS DE UMUARAMA E REGIÃO


Tão logo cheguei em Umuarama, fui fazer uma consulta médica, no Hospital Cemil. Enquanto aguardava ser chamada, comecei a conversar com uma mulher muito simpática. Foi assim que Zilda me “apresentou” a AMA.
A princípio comecei a fazer parte do grupo do watzap e quando teve a reunião, participei e pude conhecer as pessoas que fazem parte da associação. Perguntei se me aceitavam como voluntária, mesmo não tendo contato com pessoas com autismo e todas foram unânimes em dizer sim.
A bem da verdade, enquanto professora em Morretes, já me interessava pelo assunto Autista, assistindo filmes, vídeos, lendo depoimentos, enfim, é um tema que me chama bastante atenção e aguça minha curiosidade.
No ano de 2015, houve uma reunião com todas diretoras das escolas de Morretes (eu estava como Diretora das Escolas Rurais), na Secretaria Municipal de Educação, com a pauta sobre o procedimento do professor ao se deparar com um aluno com autismo e percebi que o assunto é pouco divulgado nas escolas e poucos professores sabem sobre o assunto.
No dia 02.12.2016, aconteceu a inauguração da sede, que fica na Rua São Vicente, nº 2060 – Jardim Tamoio – Umuarama (PR).

Wednesday, 30 November 2016

“apareciDINHA” – MINHA CACHORRINHA




Numa tarde quente, em Morretes, enquanto dava aula de informática, na Escola de Cursos Profissionalizantes, olhei pela janela e avistei, na rua, um filhote de cachorrinho, na hora me preocupei com os carros que passavam, podiam atropelá-la. Nisso um aluno me chamou, passado uns minutos, àquele filhotinho entrou na sala de aula e deitou nos meus pés. Tanto eu, como os alunos ficamos encantados com a cachorrinha.
Saí da escola, com ela no meu colo e fui nas casas vizinhas perguntar de quem era àquela cachorrinha. Ninguém sabia de quem era, e assim, levei-a para minha casa. Batizei-a de “Aparecidinha”, pois como num passe de mágica, ela me escolheu para ser a sua dona, (só que acabei por chamá-la de Dinha). Deveria ter mais ou menos 3 a 4 meses.
As outras cachorras aceitaram-na sem problemas e assim, no mês de maio de 2002, minha “família” aumentou. Foram 15 anos de convivência, de amizade e de fidelidade! Fomos envelhecendo juntas. Dinha era um pouco antipática, um pouco brava, mas extremamente carinhosa comigo. 

Sunday, 17 April 2016

PRIMEIRA COMUNHÃO



A primeira comunhão é um momento especial e inesquecível na vida de todas as crianças. No Brasil, a catequese ocorre normalmente num período de um a dois anos, no qual as crianças, com idade média de 9 a 12 anos, são preparadas para receber Jesus Eucarístico, quando aprendem os valores religiosos e quando chega no dia da primeira comunhão, para eles, é a coroação de todo esse processo de aproximação de Deus, através do desabrochar de sua religiosidade.  Os pais e familiares devem incentivá-las a permanecerem no caminho até agora trilhado, o caminho de Deus, longe das terríveis tentações que o mundo está oferecendo aos jovens de hoje.

Tuesday, 5 April 2016

A LOIRA DO CEMITÉRIO



Hoje, ao sair da hidroginástica fui ao cemitério, acender uma vela no túmulo de meu pai, falecido há muito tempo. Tão logo ultrapassei o portão, olhei para trás e percebi uns 8 meninos, de mais ou menos dez a onze anos, mais umas 3 meninas. Voltei e fui para perto de dois funcionários e perguntei o que os meninos estavam fazendo ali, pois eu fiquei com medo de ser um arrastão. Um funcionário perguntou para os meninos:
- O que vocês vão fazer?
Um dos meninos perguntou:
- Humm Não entendi.
Então eu falei:
- O que vão fazer aqui?